terça-feira, 27 de fevereiro de 2018

Paris: A parte da viagem que ninguém conta (Diário de Bordo)



Em geral quando viajamos temos o costume de tirar fotografias e postamos algumas fotos nas redes sociais, mas o que ninguém conta são os "bastidores" da viagem. Resolvi relatar os "perrengues" da viagem que fiz a Paris, e claro relatar também a recompensa que foi conhecer a cidade luz muito bem acompanhada.


De Portugal fomos a Paris


voo Lisboa a Paris
Voo Lisboa-Paris


Fomos a Paris em fevereiro de 2015, ou seja, 1 mês depois dos atentados ao jornal francês Charlie Hebdo. Meu noivo e eu  tínhamos planeado a viagem, mas a terrível notícia nos deixou apreensivos, mesmo assim resolvemos ir com fé em Deus e acreditando que Paris estaria mais segura no período, já que as autoridades estavam em alerta.

Partimos de Portugal do aeroporto de Lisboa no avião da Ryanair. Esta empresa tem vôos para vários destinos da Europa a preços baixos, os chamados low cost



Eu tive medo de ir, fiquei imaginando bombas no avião, terror nas ruas e sempre pensava no pior. E durante a viagem houve uma turbulência muito forte, pensava que o avião não suportaria, então meu noivo segurou a minha mão e passamos a turbulência.


Ele perguntou ao comissário de bordo onde estávamos e o comissário respondeu que estávamos passando por cadeias montanhosas entre a Espanha e a França. Só de lembrar da turbulência já fico nervosa. Aviões nunca foram o meu forte!



Em Paris chegamos no aeroporto de Beauvais-Tillé que fica um pouquinho longe do centro, não me recordo, mas a viagem do aeroporto até o centro durou mais ou menos 1 hora. DBeauvais-Tillé fomos de ônibus até Porte Maillot que fica no centro e pagamos 17 euros cada um. É possível comprar o bilhete do ônibus ⇢ online


De Porte Maillot fomos até Barbès - Rochechouart, bairro onde ficamos hospedados num hostel. Estávamos moídos, pois tínhamos  passado  parte da noite no aeroporto de Lisboa, já que não tinha ônibus em Coimbra (onde morávamos) que saísse num horário  que pudéssemos chegar a tempo no aeroporto.


Lugar que nos hospedamos em Paris

local que ficamos hospedados não aparentava ser a Paris dos meus sonhos. O hostel não era bom em vários aspectos e ainda tínhamos que pagar a Internet se quiséssemos usarO bairro tinha uma movimentação estranha. Pensamos mudar para outro local, pesquisamos na Internet outros hostels, mas reservas de última hora custam o olho da cara!


Dica Importante para viajantes:

Vai viajar? Quando fizer reservas em qualquer lugar do mundo, por favor verifiquem os comentários e avaliações dos hóspedes anteriores do local onde escolheu ficar. Isso é fácil, acesse o Booking.com ( tem uma caixa de pesquisa aqui no blog) pesquise o destino, datas, escolha o local onde quer se hospedar, veja as fotos e as avaliações dos hóspedes, também verifique se a localização é boa.

Meu erro: Não vi as avaliações dos usuários do local onde fiquei em Paris, e acabei ficando num local ruim só por causa do preço.

A primeira coisa que fizemos depois de fazer o check-in no hostel, advinha? Procurar onde comer! Entramos numa lanchonete que você pensaria "o que não mata, engorda" se é que me entende?. No bairro não avistamos locais mais organizados. Toda viagem sem um "perrengue" não tem graça, não é? 

Quanto ao deslocamento, gostei do bairro por que a estação de metro era próxima ao hostel e o serviço de transporte público em Paris é excelente. Como havia dito, o bairro  Barbès - Rochechouart tinha uma movimentação estranha e tínhamos que ter um pouco mais de atenção, eu pensava que a preocupação com a segurança era somente nesse bairro, mas Paris tem muitos golpistas e ladrões circulando nos pontos turísticos e metros.


Descobri Paris a cidade dos meus sonhos


Em Paris as atrações principais são um pouco afastadas umas das outras, então o aconselhável é utilizar o metro. A estação do metro ficava em frente ao hostel, pegamos um metro N2 no sentindo da parada Franklin D.Roosevelt, desse ponto andamos um pouquinho e chegamos na luxuosa avenida Champs-Élysées.

Champs-Élysées  Paris dos meus sonhos
Avenida Champs-Élysées

No final da avenida Champs-Élysées fica o famoso Arco do Triunfo. O monumento é uma 

homenagem às vitorias bélicas de Napoleão Bonaparte, ele ordenou sua construção em 1806, mas só foi inaugurado em 1836. Há monumentos no chão que também estão relacionados ao fim da 1ª Guerra mundial. 

Arco do Triunfo foi primeiro símbolo parisiense que vimos, nem acreditávamos no que víamos. Foi maravilhoso perceber que Paris saiu das novelas, livros e filmes para nós. Estávamos lá! De verdade!

Paris Arco do Triunfo


A primeira vez que vimos a Torre Eiffel durante a viagem foi com a perspectiva da foto abaixo. 

paris torre eiffel
Torre Eiffeil  e Rio Sena


Muitos caminhos a pé levam a Torre Eiffel, mas aviso que a caminhada é puxada porque parece que a torre está perto, sendo que ela ainda continua longe, como numa ilusão de ótica. Lembro-me que fomos até a torre pela avenida Jorge V, esta avenida tem muitos estabelecimentos luxuosos como a loja da Louis Vuitton.

Eu olhei algumas bolsas e outros objetos da loja, algumas coisas gostei e outras não, e achei tudo caro, por exemplo, uma bolsinha de mão custava €600 e poucos euros. Gosto de bolsas, mas mesmo que tivesse esse dinheiro disponível no momento, não investiria numa bolsa cara que não caberia todas as minhas coisas.

Depois de andar pelas ruas do centro de Paris, fomos num café bem jeitosinho e experimentamos o famoso baguete Francês e tomamos um café bem quentinho. Quando estávamos voltando para o hostel, vimos o arco do triunfo na perspectiva da foto abaixo, só que havia muitos carros, não consegui tirar uma boa foto.

Visitar Paris Iluminada e luxuosa avenida Champs-Élysées.
Iluminada e luxuosa avenida Champs-Élysées.

Nem tudo são flores, pois há sempre um "perrengue" durante uma viagem. Por isso é importante o planejamento. Se a coisa ficou ruim, levamos na esportiva e rimos até hoje sobre tudo que aconteceu. 


Paris é Paris, não é mon amour?


Se gostou partilhe com seus amigos e deixe um comentário

Entre em contato com o Desencaixotando a vida também pelas redes sociais.




 sociais.

------------------------------------------------------------------

Todas as fotos autorais nessa publicação está identificada com marca d´agua, já as fotos não autorais estão sob licença de livre reprodução.

21 comentários:

  1. Paris como é linda, um dia ainda conheço haahhaha. Amei seu post bjos

    ResponderExcluir
  2. Nossa, passaram por momentos bens delicados na viagem. Adorei a dica de site para acompanhar avaliação do lugar, ajuda e muito na hora de planejar uma viagem. Paris é muito linda, adoraria conhecer e torcer que não aconteça mais esses ataques =/ bjo

    ResponderExcluir
  3. Oiiiie,
    Quanta foto linda! da viagem de paris, vamos todas concorda paris é um lugar extremamente lindo é um sonho ir lá <3 adoraria conhecer tudo!

    ResponderExcluir
  4. Acredito que mesmo com os perrengues a viagem foi maravilhosa, amei as fotos. Beijos

    ResponderExcluir
  5. Adorei o post, Paris deve ser um encanto mesmo.

    ResponderExcluir
  6. Olá!Que fotos maravilhosas!Paris é um encanto mesmo,espero um dia poder conhecer e presenciar este espetáculo de pertinho,sempre temos pequenos perrengues nas viagens mas faz parte e o importante é contornar e seguir,não perder o bom humor para que o passeio seja prazeroso.
    Que bom que deu tudo certo não é mesmo?Sucesso!Bjss

    ResponderExcluir
  7. Sua viagem parece ter sido muito massa ..Espero um dia ter a mesma oportunidade . Beijos <3

    ResponderExcluir
  8. Eu leio e me encanto. É engraçado, parece que até os perrengues de Paris tem um ar mais moderno e intenso sabe? Mas muito legal você compartilhar conosco! Imagino a ilusão de ótima da Torre Eiffel, o local que não chega rs

    ResponderExcluir
  9. Olá, como vai?
    Amei o post e as fotos, gostei de saber como foi sua experiência, quem sabe um dia seja eu também né? rsrs

    Te espero em meu blog!
    Beijinhos
    Blog | Facebook | Instagram

    ResponderExcluir
  10. Paris é um sonho, as fotos lindas dizem tudo. Claro que toda viagem pode ter suas dificuldades, mas no final tudo vale a pena!

    ResponderExcluir
  11. É bem isso, quando viajamos só pensamos em mostrar as coisas boas, os lugares bonitos, mas acredito que sempre haverá um perrengue por mais planejada que seja a viagem e procuramos esquecê-lo. Meu filho foi a Paris a trabalho e contou algumas coisas sobre a cidade. Ótimo post!!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  12. Olá Daniele.... que post maravilhoso menina. Essa é uma viagem que eu sonho fazer. Adoraria conhecer Paris e toda aquela magia que o envolve. Subir à torre Eiffel e passear por aquelas ruas de mãos dadas... enfim, é só um sonho. Adorei seu post. Ler também é uma foram de passear.
    Um beijinho

    ResponderExcluir
  13. Olá, Tudo bem? E qual viagem não tem seu perrengue, não é? Parece que eles aparecem para dar um certo ar de "diversão a mais". Perrengues a parte, adorei suas fotos e creio que essa foi uma viagem muito boa, no final. Abraços

    ResponderExcluir
  14. Oi...tudo bem contigo...
    Mas que blog maravilhoso e os roteiros são excelentes opções de viagem ...gostei..

    ResponderExcluir
  15. Com certeza uma viagem inesquecível... espero um dia conhecer essa cidade tão linda.

    ResponderExcluir
  16. Paris é maravilhosa principalmente a noite, com certeza em minha opinião a melhor.

    ResponderExcluir
  17. oi!
    EU amo Paris é um lugar maravilhoso e belo :D suas fotos ficaram belíssimas eu amei <3
    bjo

    ResponderExcluir
  18. Paris é lindo demais...Sou louca de vontade de conhecer, as fotos ficaram incríveis!!! PARABÉNS ☺☺☺

    ResponderExcluir
  19. Ainda não conheço Paris, adorei o seu relato de gente como a gente, uma dica que sempre uso é me informar muito sobre o hotel, entro no google maps pra olhar a vizinhança e não ter surpresas , mas nem sempre dá certo!
    Conte nos mais, eu adorei!

    ResponderExcluir
  20. É o meu sonho. Paris é um dos poucos lugares que tenho vontade de conhecer. Mas tenho sério problema com avião. Então vou só admirar.
    Bjs

    ResponderExcluir
  21. Muito lindo mesmo seu blog, essas fotos então, um sonho!!

    ResponderExcluir

Quem escreve

Quem escreve
É brasileira, Baiana de Salvador, Bióloga de formação, decidiu compartilhar suas experiências internacionais e dicas para quem deseja viver fora do país.

Siga-me

Para inspirar...