quarta-feira, 20 de junho de 2018

Como conseguir visto de estudante em Portugal - Passo a Passo atualizado

estudantes universitários em Portugal- Universidade de Coimbra foto divulgação
Estudantes universitários em Portugal / Foto divulgação Universidade de Coimbra 


Não é de hoje que as terras lusitanas são requisitadas por muitos brasileiros que atravessam o atlântico com objetivo de estudar em universidades tradicionais da Europa.
Para chegar nas terras do além-mar é preciso ter um visto de estudos.

Como conseguir o visto


1. Você precisa fazer seu passaporte. Saiba como tirar seu passaporte aqui 

2. Em seguida você precisa fazer candidaturas em universidade portuguesas

O ano letivo nas universidades portuguesas iniciam a partir do mês de setembro, então fique atento aos prazos de candidatura. Faça uma pesquisa dos cursos e valores anuais.
Então você me pergunta: Como assim valores anuais? As universidades não são públicas? As universidades em Portugal são públicas, porém são cobrados valores anuais que são chamados de propinas. Calma! Não tem nada a ver com a "propina" que conhecemos no Brasil, na verdade são taxas e valores cobrados por serviços educacionais.


Estudantes Internacionais na Universidade de Coimbra
Estudantes Internacionais na Universidade de Coimbra
Assim que escolher o curso de graduação ou pós-graduação, faça sua candidatura e pague a taxa de inscrição.

 Aguarde a carta de aceitação que a universidade mandará para você. Só com essa carta é possível solicitar o visto de estudante no consulado de Portugal no Brasil.

Lista das principais universidades de Portugal:

-Universidade de Coimbra ( site oficial )
    -Universidade do Porto ( site oficial )
      -Universidade de Lisboa ( site oficial )
        -Universidade de Aveiro ( site oficial )
          -Universidade do Minho ( site oficial )
            -Universidade do Algarve ( site oficial)
              -Universidade de Évora ( site oficial)
                -Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro ( site oficial )



                3. Enquanto aguarda o resultado da candidatura:

                - Atualize suas vacinas e guarde seu cartão de vacina, pois ele será necessário para efetivação da matricula quando chegar em Portugal. Geralmente a vacina do tétano é exigida nas universidades portuguesas.

                - Em seguida procure na sua cidade um posto da Anvisa ( é possível encontrar em aeroportos) e tire o Certificado Internacional de Vacinação e Profilaxia. Leve seu cartão de vacina e documento de identificação, o serviço é gratuito.

                - Pesquise e faça orçamentos de seguro saúde. Então, assim que tiver o resultado da candidatura contrate o serviço de seguro saúde com validade de 1 ano, caso fique mais tempo em Portugal é possível renovar o seguro. 







                4. Reúna os documentos necessários para emissão do visto estudantil





                Você fará o pedido do visto no Portal das Comunidades e preencherá um formulário para marcação do atendimento na unidade consular.


                Alguns documentos necessários para visto de estudante em Portugal:



                -Formulário de requerimento preenchido (clicar aqui para preencher o formulário). O formulário deve ser preenchido online e só depois impresso para envio por correios ou entrega ao posto consular.
                -Passaporte brasileiro válido;
                -2 fotografias 3x4;
                -Carta de aceitação da universidade portuguesa, que conterá informação sobre o ciclo de estudos que irá frequentar;
                -Comprovativo das condições de alojamento ( onde você vai ficar);
                -Comprovativo da existência de meios de subsistência (comprovativo de bolsa ou declaração de rendimentos próprios ou dos seus responsáveis legais);
                -Seguro saúde
                -Certidão de Antecedentes Criminais da Polícia Federal (pode ser emitida via internet aqui);
                -Requerimento para a consulta do registro criminal português (Veja o documento aqui , depois imprima e preencha).

                Se caso na sua cidade não tenha uma unidade consular de Portugal, então você fará todo o processo via correios, mas nunca envie seus documentos como uma correspondência comum, assim poderá evitar alguns problemas.

                Veja aqui a lista das unidades consulares:


                No consulado você pagará uma taxa pelo visto de aproximadamente R$ 417,56 ( em 2018). Seu passaporte ficará no consulado num prazo entre 20 a 30 dias. Só depois você irá buscar já com o visto emitido que tem validade de 90 dias, só quando chegar em Portugal você conseguirá prorrogar o visto para 1 ano.

                Ao chegar em Portugal você terá que ir no Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) para declarar sua entrada em Portugal. No SEF você solicitará o Título de Residência, pagará uma taxa de 37,50 € ( valor em 2018).

                Modelo do Título de Residência em Portugal
                Modelo do Título de Residência em Portugal.

                O Título de de Residência tem validade de 1 ano e poderá ser renovado a cada ano de residência em Portugal.




                Não sabe onde ficar em Portugal? Prazer booking! As melhores ofertas!









                Se gostou do nosso artigo partilhe com seus amigos e deixe seu comentário

                Entre em contato com o Desencaixotando a vida também pelas redes sociais.



                ------------------------------------------------------------------

                Todas as fotos desta publicação não autorais nessa publicação do Desencaixotando a Vida  estão sob licença de livre reprodução. Qualquer questão, por favor entre em contato através do formulário de contato ou envie mensagens através das redes sociais.


                Um comentário:

                1. Excelente dica para os jovens que pretendem estudar fora! Ah, como eu gostaria de conhecer Portugal, se fosse uma jovem estudante não pensaria duas vezes.
                  Abraço

                  ResponderExcluir

                Quem escreve

                Quem escreve
                É brasileira, Baiana de Salvador, Bióloga de formação, decidiu compartilhar suas experiências internacionais e dicas para quem deseja viver fora do país.

                Siga-me

                Para inspirar...